Notícias

Avanços e desafios da sustentabilidade bancária é tema de relatório do PNUMA

14 outubro 2021

A Iniciativa Financeira do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente lança novo relatório coletivo sobre o avanços dos Princípios para a Responsabilidade Bancária.

O documento fornece uma atualização da situação sobre como a coalizão global de bancos está implementando esses princípios, e destaca progressos alcançados e desafios a serem enfrentados.

As principais conclusões apontam sinais iniciais de progresso. 94% dos bancos identificam a sustentabilidade como uma prioridade estratégica para sua organização, 93% estão analisando os impactos ambientais e sociais de suas atividades, e 30% estão estabelecendo metas, com um forte foco coletivo na inclusão climática e financeira.

O relatório encontra precocemente indicações de impacto na economia real, com 2,3 trilhões de dólares de financiamento sustentável sendo mobilizados.

Legenda: Inger Andersen, diretora executiva do PNUMA
Foto: © Inger Andersen/CIAT

Um novo relatório resumindo o progresso feito pelos bancos que assinaram os Princípios para a Responsabilidade Bancária conclui que os signatários estão mostrando os primeiros sinais de progresso coletivo e construindo as bases para transformar a sustentabilidade bancária. Como contraponto, o estudo indica que o ímpeto precisa acelerar em algumas áreas-chave.

Publicado hoje (14) pela Iniciativa Financeira do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (UNEP FI), o relatório estabelece a primeira linha de base para medir o progresso futuro, após um ano e meio dos quatro anos previstos no horizonte dos Princípios. Inclui, também, uma visão independente do Órgão Consultivo da Sociedade Civil, formado por 12 membros com mandato para apoiar os bancos signatários na implementação dos Princípios e na avaliação de progresso.

As principais conclusões do relatório apontam sinais iniciais de progresso. 94% dos bancos identificam a sustentabilidade como uma prioridade estratégica para sua organização, 93% estão analisando os impactos ambientais e sociais de suas atividades, e 30% estão estabelecendo metas, com um forte foco coletivo na inclusão climática e financeira. O relatório encontra precocemente indicações de impacto na economia real, com 2,3 trilhões de dólares de financiamento sustentável sendo mobilizados.                                                   

"Os Princípios para a Responsabilidade Bancária são uma estrutura crucial para que o setor bancário global responda, impulsione e se beneficie de uma economia do desenvolvimento sustentável", comentou Inger Andersen, diretora executiva do PNUMA. 

"As finanças sustentáveis são a criação de prosperidade para esta e para as gerações futuras, e este relatório mostra os primeiros sinais de progresso em todo o mundo, enquanto esboça passos para acelerar ainda mais a ação em áreas críticas".

Ação contínua - O conselho bancário e o secretariado do UNEP FI dizem que é necessária uma ação contínua e acelerada por parte dos signatários. As áreas de melhoria sugeridas incluem o aumento da disponibilidade e qualidade dos dados, o estabelecimento de metas em linha com uma melhor análise de impacto e o aumento da ação em questões críticas de sustentabilidade, tais como perda de biodiversidade, igualdade e direitos humanos.

"Os Princípios são uma jornada de quatro anos de escala e escopo sem precedentes, onde bancos de todos os tamanhos e de todo o mundo têm desenvolvido juntos as ferramentas e orientações para apoiar sua implementação efetiva", disse Siobhan Toohill, co-presidente do Conselho Bancário do PNUMA e Chefe do Grupo de Sustentabilidade da Westpac. 

"Devemos não apenas continuar a construir sobre o impulso evidenciado nos primeiros 18 meses, mas acelerá-lo para cumprir com nossos compromissos".

As informações do relatório serão utilizadas pelo conselho bancário e secretaria do UNEP FI para desenvolver ainda mais o programa de trabalho a fim de apoiar os bancos na ampliação de seu progresso e na abordagem destes desafios-chave. Sob esta estrutura, os bancos devem publicar seu progresso individual dentro de 18 meses após a assinatura dos Princípios, e anualmente a partir de então. O próximo relatório de progresso em nível coletivo está programado para 2023.

Sobre os Princípios - Os Princípios para a Responsabilidade Bancária são uma estrutura única para garantir que a estratégia e a prática dos bancos signatários se alinhem com a visão que a sociedade estabeleceu para seu futuro nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e no Acordo de Paris. Os Princípios foram criados em 2019 através de uma parceria entre os bancos fundadores e as Nações Unidas, e são projetados para trazer propósito, visão e ambição às finanças sustentáveis. 

Os bancos signatários se comprometem a incorporar estes Princípios em todas as áreas de negócios, nos níveis estratégico, de carteira e transacional. Mais de 250 bancos que representam mais de 40% dos ativos bancários em todo o mundo aderiram a este movimento de mudança e embarcaram em suas viagens de 4 anos de análise de impacto, estabelecimento de metas e relatórios.

Iniciativa Financeira do PNUMA - A Iniciativa Financeira do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (UNEP-FI) é uma parceria entre o PNUMA e o setor financeiro global para mobilizar financiamento do setor privado para o desenvolvimento sustentável. A UNEP-FI trabalha com mais de 400 membros - bancos, seguradoras e investidores - e mais de 100 instituições de apoio - para ajudar a criar um setor financeiro que sirva às pessoas e ao planeta, ao mesmo tempo em que proporciona impactos positivos. O UNEP-FI visa inspirar, informar e capacitar as instituições financeiras a melhorar a qualidade de vida das pessoas sem comprometer a das gerações futuras. Ao alavancar o papel da ONU, o UNEP-FI acelera as finanças sustentáveis.

Sobre o PNUMA - O PNUMA é a principal voz global em questões ambientais. Proporciona liderança e incentiva a parceria no cuidado com o meio ambiente, inspirando, informando e capacitando nações e povos a melhorar sua qualidade de vida sem comprometer a das gerações futuras.

Contato para a imprensa:

Unidade de Comunicação do PNUMA no Brasil, unep-brazil-news@un.org .

Avanços e desafios da sustentabilidade bancária é tema de relatório do PNUMA

Entidades da ONU envolvidas nesta atividade

PNUMA
Programa das nações Unidas para o Meio Ambiente

Objetivos que apoiamos através desta iniciativa