21 de maio, Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento

Em 21 de maio as Nações Unidas marcam o Dia Mundial da Diversidade Cultural para o Diálogo e o Desenvolvimento.

A cultura é a flor do ser humano - o fruto de nossas mentes, o produto de nossas tradições, a expressão de nossos anseios. Sua diversidade é maravilhosa, parte do rico entrelaço da civilização.

A cultura também é uma potência - um empregador de milhões, um motor do progresso econômico, uma força de coesão social.

O Dia Mundial da Diversidade Cultural reconhece esse grande poder.

O mesmo acontece com a proclamação de 2021 como o Ano Internacional da Economia Criativa para o Desenvolvimento Sustentável.

Mas essas observâncias caem em um momento difícil para a cultura. A pandemia de COVID-19 abalou o mundo - e abalou o setor cultural. Em todo o mundo, museus foram fechados, salas de música silenciadas, teatros apagados, locais turísticos abandonados e outras atividades culturais postas de lado enquanto as sociedades enfrentam a morte e a turbulência.

À medida que as vacinas geram esperança, o mundo deve garantir que os pacotes de recuperação da pandemia atendam as necessidades das instituições culturais, das artes e de todos aqueles que fazem parte do mundo criativo.

E em um momento de disseminação do ódio e da intolerância, não devemos apenas defender a diversidade, mas investir nela. As sociedades hoje são multiétnicas, multirreligiosas e multiculturais. Isso é uma riqueza, não uma ameaça. Mas precisamos garantir que cada comunidade sinta que sua identidade - sua cultura - está sendo respeitada.

Vamos todos apoiar a cultura e seu poder de promover o diálogo e o desenvolvimento para o benefício de todos.

Discurso de
Autor
António Guterres
Secretário-Geral Nações Unidas
 António Guterres
Entidades da ONU envolvidas nesta atividade
ONU
Organização das Nações Unidas