Notícias

Não se calem, diz secretário-geral da ONU a jovens líderes climáticos em evento pré-COP26

30 setembro 2021

  • Durante o Evento Juvenil Pré-COP em Milão, na Itália, o secretário-geral da ONU, António Guterres, celebrou o engajamento de jovens líderes climáticos e clamou por apoio contínuo em questões do clima. 
  • Segundo o chefe da ONU, o mundo está em alerta vermelho para emergências climáticas, e os jovens estão na linha de frente apresentando soluções positivas, defendendo a justiça climática e cobrando responsabilidade dos líderes estatais. 
  • A aderência juvenil a pautas climáticas pelo globo é o que pode garantir o sucesso da Conferência sobre Mudanças Climáticas de 2021 (COP26), em novembro. 
  • Enquanto isso, governos, empresas e investidores ainda precisam reduzir suas emissões de acordo com a meta de 1,5º C do Acordo de Paris, outra área de defesa da juventude.
Legenda: Como parte das greves escolares de 'Fridays for Future', jovens protestam pela ação climática em Genebra, em 2019
Foto: © Lucero Oyarzun/ICAN

Com a crise climática já devastando vidas e rendas, os jovens serão essenciais para impulsionar a ação global, disse o secretário-geral da ONU, António Guterres, aos participantes do Evento Juvenil Pré-COP em Milão, na Itália, nesta quinta-feira (30). Com participação de centenas de delegados de todo o mundo, o encontro é um precursor da Conferência Sobre Mudança Climática (COP26) da ONU, que acontecerá em Glasgow, na Escócia, em novembro.

Código vermelho - “Os jovens estão na vanguarda ao apresentarem soluções positivas, defendendo a justiça climática e cobrando responsabilidade dos líderes. Precisamos de jovens em todos os lugares para continuar levantando suas vozes ”, disse o chefe da ONU em uma mensagem de vídeo apresentada no evento.

O secretário-geral descreveu a emergência climática como um “código vermelho para a humanidade”, com os mais pobres e vulneráveis ​​entre os mais atingidos. “A janela de oportunidade para evitar os piores impactos da crise climática está se fechando rapidamente. Sabemos o que precisa ser feito e temos as ferramentas para fazer isso”, insistiu Guterres otimista sobre o futuro climático do mundo.

Cumprir promessas - O chefe da ONU clamou aos jovens líderes que continuem a exigir “um avanço na construção de resiliência e garantia de que pelo menos 50% do apoio climático seja para adaptação destinado a proteger vidas e meios de subsistência”.

Guterres também destacou o quanto as vozes dos jovens são necessárias agora, para fazer com que os países desenvolvidos finalmente cumpram sua promessa de uma década de fornecer 100 bilhões de dólares anualmente em financiamento climático para os países em desenvolvimento.   

Enquanto isso, governos, empresas e investidores ainda precisam reduzir suas emissões de acordo com a meta de 1,5º C do Acordo de Paris, outra área de defesa da juventude. Para tanto, os países devem se comprometer a atingir as emissões líquidas de gases de efeito estufa até a metade do século.

Exemplo poderoso - O secretário-geral também elogiou o Governo italiano — que detém a co-presidência da COP26 com o Reino Unido — “por fornecer este palco global para que os jovens se envolvam diretamente com os formuladores de políticas”. Ele agradeceu aos jovens por contribuir com ideias e soluções antes da Conferência do Clima da ONU.

“Sua solidariedade e exigências de ação são um exemplo poderoso”, elogiou o chefe da ONU se referindo a jovens ativistas do clima, e também reforçou o papel destes para o avanço da metas do clima estabelecidas pela Organização: “Precisamos que líderes nacionais sigam seu exemplo e garantam a ambição e os resultados de que precisamos na COP26 e além.

Não se calem, diz secretário-geral da ONU a jovens líderes climáticos em evento pré-COP26

Entidades da ONU envolvidas nesta atividade

ONU
Organização das Nações Unidas

Objetivos que apoiamos através desta iniciativa